WEB RÁDIO VERDADE GOSPEL

RADIO WEB VERDADE GOSPEL

RADIO WEB VERDADE GOSPEL
24 HORAS NO AR

ISLAIDE TESTE

ISLAIDE TESTE
webradioverdadegospel@gmail.com

DISPONÍVEL NA PLAY STORY

DISPONÍVEL NA PLAY STORY
DISPONIVÉL NA PLAY STORY

JOÃO 3:16

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. João 3:16

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
PUPLICIDADE

IBADEP TEOLOGIA

IBADEP TEOLOGIA
IBADEP TEOLOGIA

segunda-feira, 7 de setembro de 2020

“Só Jesus poderia mudar o terrível pecador que fui”, diz um dos mais ricos das Filipinas O bilionário filipino Henry Sy Jr. foi tocado por Deus e deixou para trás uma vida de pecado. Hoje ele reconhece que as riquezas não podem salvá-lo, somente Jesus.

 


                   O bilionário Henry Sy Jr. contou testemunho na igreja Christ's Commission Fellowship. (Foto: CCF Center)

bilionário Henry Sy Jr., de 67 anos, contou seu testemunho de conversão ao cristianismo no último domingo (30) durante a celebração online do aniversário da Christ's Commission Fellowship, igreja na qual é membro nas Filipinas.

Henry Sy Jr. é co-vice-presidente da SM Investments, um grande conglomerado fundado por seu falecido pai, Henry Sy — que foi considerado o mais rico das Filipinas por 11 anos consecutivos e 52º colocado na lista dos Bilionários do Mundo pela Forbes, em 2018.

Em um vídeo de quatro minutos, Sy disse que a busca desenfreada pelo aumento dos negócios o levou para uma vida de pecado, mas a pandemia da Covid-19 o fez refletir sobre algumas questões e o aproximou de Deus.

“Fomos treinados desde cedo para ganhar dinheiro e ser os melhores nos negócios”, disse Sy. “Eventualmente, nossa empresa familiar cresceu mais e mais, até se tornar um dos maiores conglomerados nas Filipinas. Junto com esses sucessos vieram todos os vícios e estilos de vida pecaminosos que eu achava que eram normais para um cara como eu”.

Sy tentava justificar seu comportamento, pensando que desde que não cometesse “pecados graves”, como assassinato ou estupro, ainda seria salvo e aceito no Reino de Deus.

“Eu não tinha nem me dado conta do conceito de inferno e julgamento eterno, pois eu pensava que enquanto eu não estuprar, matar ou cometer pecados graves, enquanto eu achar que sou uma pessoa boa, Deus vai entender e me deixar entrar em Seu Reino”, disse.

No entanto, um versículo da Bíblia fez o bilionário perceber que seu patrimônio líquido de US$ 2,2 bilhões não poderia salvá-lo, somente Deus. O texto que o fez refletir está em Marcos 8:36, que diz: “Que adianta ao homem ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma?”

“Só Jesus poderia mudar minha vida do terrível pecador que eu fui”, acrescentou. “Por meio dos estudos bíblicos semanais, eu aprendi que só posso salvar a minha alma pela graça de Deus. Isso não pode ser conquistado ou merecido”.

O bilionário se arrependeu de seus pecados e entregou sua vida a Cristo. Sua mudança atraiu sua família a um relacionamento mais profundo com Deus e hoje ele encoraja outras pessoas a caminharem com Jesus.

“Eu percebi que meu estilo de vida pecaminoso só pode ser perdoado e curado por Cristo, nosso Salvador, por meio de Sua morte e pelo derramamento de Seu sangue. Deus me ajudou a me arrepender e aceitar Seu precioso presente de perdão, e eu entreguei minha vida a Jesus”, disse Sy.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO GOD TV

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

"Se abortar é um direito da mulher, onde estava o meu direito?", diz sobrevivente de aborto Gianna Jessen elogiou o presidente dos EUA, Donald Trump por sua decisão em favor dos sobreviventes de abortos malsucedidos.

  Gianna Jessen nasceu com paralisia cerebral após sua mãe biológica tentar abortá-la nos anos 70. (Foto: AP Photo/Pablo Martinez Monsivais)...