WEB RÁDIO VERDADE GOSPEL

RADIO WEB VERDADE GOSPEL

RADIO WEB VERDADE GOSPEL
24 HORAS NO AR

ISLAIDE TESTE

ISLAIDE TESTE
webradioverdadegospel@gmail.com

DISPONÍVEL NA PLAY STORY

DISPONÍVEL NA PLAY STORY
DISPONIVÉL NA PLAY STORY

JOÃO 3:16

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. João 3:16

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
PUPLICIDADE

IBADEP TEOLOGIA

IBADEP TEOLOGIA
IBADEP TEOLOGIA

segunda-feira, 3 de agosto de 2020

Boko Haram mata ao menos 5 cristãos durante ataque em Camarões Uma mulher-bomba se explodiu e matou outras mulheres e crianças que estavam se escondendo dos jihadistas

Cristãos convivem com medo de ataques de grupos extremistas, como o Boko Haram em Camarões (foto representativa)

Na noite de primeiro de agosto até o dia seguinte, integrantes do Boko Haram atacaram a cidade de Nguetchewe, em Camarões. Segundo a mídia local, 18 pessoas morreram durante a ação, mas fontes na região acreditam que o número de vítimas chegue a 28, já que dois atentados suicidas aconteceram no mesmo período.

Um líder cristão falou com os colaboradores da Portas Abertas pelo telefone e contou como tudo aconteceu. Ele estava em casa quando ouviu tiros e percebeu que as pessoas começaram a correr. Algumas mulheres e crianças se esconderam onde o milho é batido. Mas uma moça falou que estava com dor de estômago e conseguiu entrar no local, então ela se detonou e matou outras pessoas. “É possível que outro homem-bomba tenha atacado mais moradores”, testemunha.

De acordo com outro líder de igreja na cidade, ao menos cinco vítimas fatais eram cristãs. Mas esse número pode aumentar se alguns dos 10 feridos morrerem e outros desaparecidos forem encontrados mortos. Os sobreviventes do ataque foram levados para os hospitais de Koza e Maroua.

A opressão islâmica contra os cristãos colocou Camarões em 48º lugar na Lista Mundial da Perseguição 2020. Um dos intentos de grupos extremistas como Boko Haram é eliminar os seguidores de Jesus da região. Ali pretendem estabelecer um Estado islâmico, onde as leis muçulmanas restritas ordenariam o comportamento de todos.

Pedidos de oração

  • Interceda pelo fortalecimento e consolo das pessoas que perderam os entes queridos durante os ataques extremistas.
  • Ore pelos líderes e cristãos, para que tenham sabedoria e amor para compartilhar a mensagem de Cristo neste período delicado.
  • Clame para que as autoridades locais recebam discernimento de Deus e estratégias para conter as ações dos jihadistas.
  • Fonte: portas abertas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

"Se abortar é um direito da mulher, onde estava o meu direito?", diz sobrevivente de aborto Gianna Jessen elogiou o presidente dos EUA, Donald Trump por sua decisão em favor dos sobreviventes de abortos malsucedidos.

  Gianna Jessen nasceu com paralisia cerebral após sua mãe biológica tentar abortá-la nos anos 70. (Foto: AP Photo/Pablo Martinez Monsivais)...